terça-feira, 28 de dezembro de 2010

26-12-10 Sela - Entre Caminhos - Biduiça - Corga de Lamelas -Lamas de Compadre - Biduiça - E.Caminhos - Sela


26-12-10 Depois de um presente de natal não muito desejado, mais do que nunca eu precisava de ir para serra, melhor dizendo eu precisava de ir pró Gerês, já há muito que não ia para aquela Zona do Gerês, a mais agreste, menos calcorreada e mais solitária…

Encontrei me com os meus companheiros de montanha em Braga, decidimos muito rapidamente qual seria o destino e lá fomos nós. Conhecia alguns trilhos naquela zona mas havia um que ainda não tinha feito e gostava muito de conhecer… Meus colegas foram fantásticos eles já o conheciam, mas mesmo assim optaram por fazer esse trilho e eu passei a conhecer. Começamos em Sela por um trilho de pastores já bem antigo semeado de pequenas mariolas até Entre Caminhos. Este percurso é de facto mais agradável de se fazer, menos íngreme e menos penoso do que os que eu já conhecia… Chegando ao cimo mesmo na portela da Abelheira a paisagem com a qual fomos brindados era esplêndida… os Cornos de Candelas imponentes a nossa frente, o Alto do Bezerral e Alto de Compadre se erguiam a nossa frente como se louvassem a nossa presença na serra. As Fragas de Brazalite e Espinheiro bem lá no fundo da paisagem também acenavam, a fraga de Paul muito timidamente lá espreitava por trás de Candelas… e a grande Lagoa sobre o Ribeiro do Dola rejubilava tanta era sua felicidade com a nossa presença….

Depois de alguns minutos de contemplação lá continuamos caminho descendo agora para o Prado das Biduiças, fantástica a sensação de ali estar novamente, já há mais de um ano que não passava ali… Caminhamos cada um a seu ritmo, acompanhados pelo Ribeiro com o mesmo nome… Fui caminhando por vezes a sós, gosto de falar contigo a sós, a serra entende me tão bem. Fui ouvindo silenciosamente as suas declarações de amor, o Ribeiro da Biduiça se declarava, se insinuava e a agua que corria na Corga de Lamelas ao fundir-se no da Biduiça formavam pequenas cascatas de emoções maravilhosas… Sentia me feliz no seu seio…

Resolvemos descansar nuns prados mesmo ao lado do Ribeiro de Lamela, já lá tinha passado varias vezes mas é sempre bom estar ali… Instalamo-nos e ficamos ali a espera de um companheiro que resolveu ir esticar um pouco mais as pernas… Ficamos ali uns a preparar o almoço, outros a saborear o simples facto de ali estar… Eu aproveitei para te namorar mais um pouquinho… Senti que os meus companheiros estavam a gozar daquele prazer tanto quanto eu, amantes eles também daquela serra… O sol quente ainda foi acariciando meu rosto, ainda lhe senti o toque… O cheiro a terra húmida era inconfundível, o manto de seda branca que ainda cobria algumas partes da serra, convidava mesmo ao repouso... muito bom. Os ribeiros cantarolavam o tempo todo e até uma cabra no Alto de Lamela veio nos dar as boas vindas… Após um bom descanso, barriga cheia e até um bom convívio entre todos, lá resolvemos seguir caminho e contornar o Alto de Compadre… Entramos na Corga de Lamas de Compadre e depois o ribeiro com o mesmo nome, até chegarmos novamente aos Prados da Biduiça. Ai a noite já se anunciava, a malandra chegou sem avisar ou melhor… já estávamos a espera dela. Quando chegamos a Entre Caminhos ligamos os frontais... Fabuloso. Agora estava a sós com a noite... só eu… Oh meus colegas também estavam, mas o silêncio se instalou, acho que todos estávamos a “curtir” o nosso próprio silencio… Incrível como me sinto segura quando estou contigo, não há lugar para medos, nem receios ,como se toda minha vida caminhei por ali a teu lado… Acho que naquele momento o que eu mais queria era ficar… Não queria voltar… Antes de chegar aos carros ainda fiz minha ultima promessa, regressar brevemente, dormir nos teus braços e festejar mais um ano no teu seio, fazendo parte de ti assim como fazes parte de mim…

Acabamos mais uma vez no “tasco” mais perto a assimilar os prazeres sentidos durante o dia…

Clicar na foto para ver o Album

6 comentários:

ANGELINA GOMES disse...

Passei por aqui para lhe desejar:

FELIZ ANO NOVO..... que seja muito feliz:)

Bota Rota disse...

Olá Dorita.

Parabéns pela caminhada!

Essa do fondue de chocolate ainda me está atravessada...
Fico a pensar o que virá a seguir.
Foie Gras, Pato com Laranja, uma parrilhada? ;-)
Bem, o importante é que se divertiram... e isso, é que faz parte das coisas boas da vida!
Um beijinho,
Jorge Sousa

White Angel disse...

Angelina,

Muito obrigada!!! UM FELIZ ANO NOVO para si também...

um Beijinho muito grande

White Angel disse...

Jorge..lol

A brincar que o digas o Foie Gras... foi no dia 18/12 no Soajo...lol:)))))) com tostinhas normais e integrais...;)
A pois!!!!:)

De facto o importante é que "curtimos" mesmo a montanha com tudo a que temos direito...

Um Beijinho
Dorita

PS: obrigada pelas sugestões da ementa:)

CHEIRO DA MONTANHA disse...

...que 2011 seja bom...muitas boas caminhadas.
Abraço montanheiro...vemo-nos ai por esses caminhos...

Lírio disse...

Há isso sim! É o que se chama acabar o ano em grande! Bela caminhada!
Força para muitas mais, para este ano de 2011!

Beijinhos